Menu

Laminar prepara expansão

Monday, 11 March 2013. Publicado na Seção: Produtos

Empresa atinge capacidade máxima de produção e inicia ampliação do galpão e compra de novos equipamentos

laminarEm operação desde outubro de 2008 a Laminar Vidros continua figurando como primeira e única laminadora com Polivinil Butiral (PVB) do estado do Rio de Janeiro. Em pouco tempo a empresa atingiu sua capacidade máxima de produção e se prepara para ampliar seus horizontes: está adquirindo novos equipamentos e inicia uma obra de ampliação.


laminarEm operação desde outubro de 2008 a Laminar Vidros continua figurando como primeira e única laminadora com Polivinil Butiral (PVB) do estado do Rio de Janeiro. Em pouco tempo a empresa atingiu sua capacidade máxima de produção e se prepara para ampliar seus horizontes: está adquirindo novos equipamentos e inicia uma obra de ampliação.

A Laminar conta atualmente com 70 funcionários e produz mensalmente 60.000 metros quadrados de vidros laminados de diversos tipos. A tecnologia da Laminar permite a fabricação de vidros laminados de 2.600 mm X 4.400 mm, em diversas espessuras. As cores podem ser definidas sob prévia consulta.

A empresa trabalha com o vidro baixo-emissivo Low-E, para isso possui uma unidade de corte especialmente desenvolvida para esse tipo de vidro. Também é uma das poucas empresas nacionais que trabalham com o interlayer Sentryglas, da Dupont, destinada a aplicações especiais que exigem alta resistência.

laminar01Com a ampliação, a área fabril, que possuía 4 mil metros quadrados, será ampliada para 6 mil metros quadrados. No espaço serão instalados novos equipamentos, inclusive uma segunda autoclave italiana Terruzi. A diferença é que esta será equipada com tecnologia de ponta que facilita a produção de vidros laminados com até 70 mm de espessura, além da autoclavagem nos vidros com sacos de vácuo.

 Para que pudesse ser criada a Laminar superou diversos paradigmas do mercado, começando pelo fato de ter sido montada com a parceria de cinco empresas concorrentes: Disvidro, Grupo Paris, New Temper, Saint-Germain e Vimolbrás. O objetivo que uniu os diretores de tais empresas foi o de desenvolver o mercado vidreiro do Rio de Janeiro que, anteriormente, comprava de empresas de São Paulo seus vidros laminados com PVB.

 A superação das dificuldades demonstrou ser ainda maior que o esperado e a laminadora passou a atender todo o Brasil por meio das cinco empresas sócias, responsáveis pela comercialização.

 Segundo o gerente geral da empresa, Marcelo Thomaz, a expansão da Laminar está sendo realizada em boa hora, pois a expansão também ocorre no ambiente comercial, onde a empresa está fortemente focada na busca de representantes ao longo do país. “O crescimento está sendo a marca da empresa nesses últimos dois anos, fornecendo vidros para obras importantes em São Paulo, Rio de Janeiro, Vitória e Minas Gerais”, completa.

Publicidade

Leave a comment

You are commenting as guest.